quinta-feira, 20 de outubro de 2016

A maior de Alagoas

A exatamente 24 anos no dia 23-10-1992 da fusão de duas torcidas organizadas (dragões ) e (força jovem) nascia a Mancha Azul, através de Marcelo e Eduardo Alvim que encabecavam a frente da torcida crescia ali um amor indiscutível pelo Csa, a década de 90 foi a nostalgia para a organizada que inovava não só em Alagoas mais no Nordeste, a primeira torcida a sair em um bloco carnavalesco,jornal informativo,as festas promovidas na bancada e o primeiro bandeirão atraía os olhares de torcidas na região,mais como isso era possível para um clube que não figurava entre os grandes do Brasil?
Através de seus componentes que levavam o lema ideologia,força e irmandade a mancha azul só crescia,nomes como Tid,Xuxu,Fernanda medeiros,Dorinha,André magão, Betinho,Juarez,borel,Chiquinho,nego leite,Hamilton,Otávio,marquinhos,Paulo doido, lagartinha,Tião,naldinho,cristiano st lucia, marco bomba,marcio bomba,sonaldo,Mônica,cabeça,aguinisio,Lucas,adamo,fusca,jurlan,Anderson,bacural,kiko, Renato da sul, Marcílio,Maurício,malhação,Hamilton,la lido, Alex Raul,Michel,mib,coala,Marcílio do vergel,Roberto,outros tantos Faziam com o que o  crescimento fosse visto pela União e apoio onde o csa jogava,várias sedes foram passadas pelas gerações, Praça sinimbu,Rua do comércio perto da igreja foram alguns locais onde se instalavam aquele grupo de apaixonados pelo Csa até chegar onde a mais de 10 anos estão na rua do sol, viagens marcantes, festas nas arquibancadas,cantos inéditos faziam a torcida ser a maior organizada do Nordeste de sua fundação até meados de 2000,algumas amizades pela região nascia ali,trovão azul,inferno Coral, bamor,eram algumas uniões que foram feitas pelas passadas onde o csa jogava e criavam laços de amizades entre seus componentes,mais nem só de festa vivia a torcida em seu começo,momentos de dificuldades foram enfrentados,aluguéis atrasados,material de difícil acesso pois muitas vezes vinham de outros estados,a falta de ajuda era fortalecida pelo lema União e força do clube,foi quando nos momentos de mais dificuldades ja na década de 2000 a 2010 onde uma nova era começava,o csa iria enfrentar suas maiores dificuldades,em queda livre o azulão fazia com que a torcida não tivesse tanta visibilidade para jogos,mais o contra ponto era o crescimento da mesma de forma inexplicável já que o csa não jogava e a torcida só crescia, bandeirões eram lançados,festas para milhares de componentes e muita organização de sua direroria.
O crescimento só cresce e o momento de mais êxtase se faz na festa de aniversário, antes festa para 500 à 1000 componentes onde o lazer era o foco entre seus afiliados e onde hoje é considerada uma das maiores festas de torcida organizada do país onde atrai mais de 10 mil componentes e simpatizantes, aliados e amigos espalhados pelo país se fazem sempre presente na festa promovida pela torcida,agora com o csa voltando a figurar no cenário nacional a torcida voltará a ter visibilidade também em jogos e viajens como na decada passada e o amor incondicional de seus membros será visto Brasil a dentro.

domingo, 16 de outubro de 2016

O vôo do azulão

O azulão ressurgiu para o futebol em 2016, mais para quem pensa que foi fácil vale uma retrospectiva dos últimos anos que o Clube sofreu com quedas , decepções, promessas e dívidas.
Depois de uma década em 90 vitoriosa o azulão passou por maus bucados de 2000 há 2015 com apenas 1 título de alagoano em 2008, 2 quedas de divisões em alagoanos e algumas vezes jogando apenas 5 meses no ano, o azulão enfim consegue sair do calvário que não parecia ter fim.
Em Outubro de 2015 no lançamento de uma chapa chamada de resgate do azulão encabeçada pelo empresário de sucesso Rafael Tenório o Csa começava a sonhar com dias melhores, o planejamento já dava um pontapé inicial logo com a apresentação de seu novo treinador, Oliveira Canindé que tinha o aval de todos e vinha com a missão de levantar  o clube das multidões,a apresentação do elenco em novembro foi tida como festa pelos torcedores,começando no alagoano os frutos já eram colhidos,com uma bela campanha o azulão ia trucidando todos os adversários,até seu arqui rival foi goleado,fato que muitos torcedores nem lembrava mais e outros nunca tinham visto,a campanha vitoriosa só foi interrompida nas finais onde prevaleceu a experiência do crb que nos dois jogos decisivos mesmo com o csa melhor ganhará  e sagrava-se bi campeão alagoano,mais e daí?o calendário que era o foco de inicio junto com as competições do Nordeste, copa do Brasil e a série c eram alcançadas.
Depois de algumas perdas em elenco de alagoano o azulão foi pro mercado e conseguiu trazer jogadores pontuais e manteve algumas Peças importantes durante a campanha do alagoano, jogadores regulares como Panda,Leandro Souza,Jeferson, Rafinha e com outros como Didira sendo decisivo, e Cleyton enfim jogando o que se esperava o azulão conseguia o acesso a série c em 2017, mais n parou por ai,o time marujo ainda coseguia chegar a uma final de série d e mais uma vez perdia para um volta Redonda invicto e com um time superior ao azulão.
Mais e o porquê falar dessa retrospetiva?é bem verdade que sempre ao final de cada ano era uma promessa onde os torcedores já não levava tão a sério o que seria do csa no ano seguinte, mais com trabalho, apoio de pessoas como João Feijó, Raimundo Tavares, salários sempre em dia,e o principal, sua apaixonada e fiel nação azulina que em 2016 deu show nas arquibancadas,com médias espetaculares, apoiando o time em todos os lugares onde foi o azulão acabou superando até médias de time da série a.
Com tudo isso a temporada 2017 promete ser melhor do que foi em 2016,com mais condições financeiras, base de elenco mantida,calendário de competições darão ao azulão perspectivas melhores para seu torcedor.

segunda-feira, 3 de outubro de 2016

Saldo positivo e quem pode ficar.

O Csa fez o último jogo do ano no último sábado valendo a decisão da série d e acabou sendo derrotado para o Volta Redonda pelo placar de 4 x 0.
Com a derrota o CSA o azulão perdeu a chance de conquistar o título nacional mais de quebra teve um saldo positivo no ano de 2016,assegurando as vagas de copa do Brasil , copa do Nordeste e a cereja do bolo que enfim veio,a série c que da o calendário de ano todo ao clube, sem falar do alagoano que vai servi de base para o resto do ano.
Com isso o azulão tem um saldo positivo e agora já pensa no ano de 2017, dentre as projeções e contratações estão Oliveira Canindé que disse que fica e as prováveis renovações de alguns jogadores, são eles :
Jeferson  Gomes, Leandro Cardoso e Leandro Souza , Rafinha, Rayro,Panda,Marcos Antônio, Didira e Everton Heleno,Bismarck, cleidson (camutanga),Obina e kelvin Marcelo Nicácio.
Os anúncios de quem fica e quem sai só a partir da semana que vem mais pelo bom ano feito e pela base do time esse atletas devem estar no elenco do ano que vem, é esperar pra ver o azulão melhor em 2017.

sexta-feira, 23 de setembro de 2016

Os Bravos que fazem a festa !!!




A torcida Bravos regatianos que começa a mudar o jeito de torcer da torcida do galo chega com um novo conceito em arquibancada,não só em estilo mais em organização, festa promovida antes e durante os jogos fazem com que o movimento ganhe mais força,beleza e alegria para os jogos do CRB.

Bravos vermelhos é uma torcida organizada?
Nome do movimento é Bravos Regatianos
Não somos uma organizada, a proposta é totalmente diferente, uma organizada tem como objetivo crescer em número de "membros" e se estruturar financeiramente, igual uma empresa, vendendo materiais diversos, gerando renda e com isso possibilitando de viajar o país a fora atrás do clube. O movimento popular é algo mais simples, juntar amigos/conhecidos/ simpatizantes Com um propósito de apoiar incondicionalmente o clube os 90 minutos, nosso uniforme é a camisa oficial do clube.
Qual a intenção dos Bravos?
A maior intenção hoje, é mudar a cultura da torcida de só cantar e apoiar quando o time está vencendo, precisamos apoiar também nos momentos mais difíceis até mesmo dependendo da derrota, reconhecendo o esforço, queremos mudar o repertório da torcida, esquecer as musicas de apologia à violência e focar em novas canções que demonstrem o verdadeiro sentimento de um torcedor, ensinando as novas gerações o real propósito de estar na arquibancada.
Relação de quem frequenta com membros de outras organizadas?
Procuramos ter a melhor relação possível com as organizadas, elas sempre estiveram ali e acreditamos que sempre vão estar só que precisamos buscar o novo, e algumas até já começam a entender e cantar algumas de nossas músicas, outros não aceitam mais não se pode agradar a todos.
De onde vem à inspiração do modo diferente de torcer?
Os movimentos populares de torcedores comuns não é tão novo quanto parece, mais em especial no nordeste veio se popularizando recentemente há uns cinco anos. Nós tentamos pegar o que tem de melhor das torcidas pelo mundo, no caso dos bravos, a inspiração vem do gênero argentino, onde se canta por quase toda a partida e com músicas de melodia menos eufóricas, e com mais letras inspiradoras. Mas sempre com muita empolgação!
Qualquer um pode fazer parte ou precisar se associar?
Na pratica, somos uma banda que toca em praça pública, e quem gostar da música sempre vai querer voltar. Por isso nos identificamos como movimento popular, todos são bem vindos, não temos sistema de sócios Porque preferimos adquirir nossos instrumentos e tecidos para bandeirolas através de doação e vem dando certo.
São sócios do clube?
A grande maioria sócia adimplente, praticamente em todos os jogos se vem às mesmas pessoas perto.
 Relação com a diretoria do clube?
A diretoria entrou em contato conosco, pois já tinha ouvido falar de nós, e uma de nossas canções ficou muito conhecida por toda a torcida. Começamos a cantar ela com 15 pessoas, e no final do campeonato todo o estádio estava cantando em uma só voz. Foi o tema do Bi campeonato desse ano “O NOSSO SONHO NÃO ACABOU” ele queriam que nos levássemos à charanga, e como já estávamos lutando pra isso acontecer foi um presente para todos nós! Diferente de outros grupos ou organizadas, não aceitamos nenhuma ajuda financeira do clube, não aceitamos nem um ingresso se quer. Acreditando que não temos que tirar do clube, pelo contrariado. Temos que buscar formas de contribuir para o crescimento do mesmo.
Quem é à frente do movimento ou (organizada)?
Optamos por não ter "presidente" ou líder. Decidimos unir amigos influentes da torcida, que fossem bons em alguma coisa, e formar uma "COMISSÃO" assim, tudo é decidido entre essa comissão, musicas, ensaio da charanga, confecção de bandeirolas, ações pra arrecadar fundos pra alguma viagem que seja viável, e etc...
Como fazem para arrecadar fundos paras as festas (mosaico etc...)?
Mesmo antes da criação do movimento, as mesmas pessoas que hoje se intitulam Bravos, já tinham um forte vínculo de amizade dentro da torcida, e sempre organizávamos as festas para as grandes finais. Todos os mosaicos já feitos partiram de iniciativa dessa mesma turma que hoje faz parte do movimento, a arrecadação é feita na internet, como já temos credibilidade com a torcida no geral, eles depositam valores aleatórios nas contas disponibilizadas, e sempre é feito prestação de conta.
Vão a todos os jogos dentro e fora de Maceió?
O foco é apoiar em todos os jogos em casa, caso algum simpatizante ou amigo do movimento for viajar já nos sentimos representados.


Por fim, não buscamos grandeza, não queremos nosso nome estampado em grandes faixas, apenas queremos saber que estamos fazendo nosso papel dentro do estádio e incentivando o nosso GALO nos 90 minutos de vida, somos todos Regateamos, e nada vai nos separar!
#ClubederegatasBrasil #BravosRegatianos

Link do vídeo da nossa ação na final do alagoano 2016. Do canal no Youtube de um dos membros do movimento
https://www.youtube.com/shared?ci=Nn_jwygKjQk

Perguntas respondidas por Willian Ferro que faz parte do movimento Bravos Regatianos

terça-feira, 20 de setembro de 2016

Dias de glórias voltaram

Com uma campanha consistente o CSA chega em mais uma decisão a nível nacional ,depois de ter anos na escuridão, tentativas de ressurgir e fracassos o azulão volta a figurar  no cenário nacional.

Após anos lutando para se reerguer o csa enfim consegue rumar em outro patamar, nos últimos 16 anos o clube marujo passou por dificuldades e tentativas fracassadas de se levantar, com apenas 1 título em 2008 e com 2 rebaixamentos para a série b do alagoano, sua torcida vivia um período de tristeza mais ao mesmo tempo de amor incondicional,em agosto de 2015 a frente resgate do azulão liderada por Rafael Tenório e Raimundo Tavares começava um projeto de levantar o csa e o colocar de novo nos holofotes,sua primeira e contratação de impacto foi Oliveira Canindé que com sua postura de trabalho e competência foi montando a equipe para o ano de 2016.

O alagoano começou e o logo os frutos apareciam, com uma campanha de encher os olhos os torcedores comecavam a viver dias melhores e acreditar que 2016 seria emfim diferente ,até chegar a final o azulão foi avassalador e perdendo por detalhes para seu maior rival uma final que com tantos gols perdidos o time sentiu.

Mais os objetivos traçados já foram alcançado de início, copa do Brasil, copa do Nordeste e a vaga para o brasileiro da série d no 2 semestre,dai começava a série d e logo de estréia uma derrota para o desconhecido Parnayba logo acendeu a luz, depois veio uma campanha consistente e confiante:
Parnayba 2 x 1 CSA
CSA 6 x 0 Guarani
CSA 2 x 1 Central
Central 0 x 0 CSA
Guarani 2 x 3 CSA
CSA 1 x Parnayba

Parnayba 1 x 2 CSA
CSA 3 x 0 Paranayba

CSA 3 x 0 Altos
Altos 2 x 0 CSA

Ituano 1 x 2 CSA
CSA 1 x 0 ituano

CSA 2 x 0 São Bento
São Bento 1 x 0

E por fim volta Redonda onde fará 4  final de brasileiro de sua história e tentará trazer o título inédito pra Alagoas e pra sua história.

sábado, 10 de setembro de 2016

Alagoas bem na fita !!!

O futebol alagoano vive momentos de glórias, com o acesso do CSA, a boa campanha do CRB e com o ASA na busca pelo g 4 da serie c o futebol alagoano começa a ter novos ares.
Ao longo dos anos nosso futebol estava estacionado na mesma, com crb e asa apenas participando das serie b e c respectivamente e o csa tentando se levantar não se via melhora para os nossos clubes, mais em 2106 o patamar começou a mudar.

Começando pelo Asa que após um péssimo começo de ano com o fracasso no estadual a equipe conseguiu se reerguer e hoje luta para ficar entre os 4 que se classificam na serie c, amanha terá um duelo contra o Botafogo-Pb para conseguir sua classificação onde só depende dele.

Já o Galo da barra vem mostrando uma força inquestionável, depois de reestruturar internamente através do Ct Marcos Barbosa e com 5 finais seguidas de alagoano e o titulo em 2016 , o galo vem fazendo até o momento uma bela campanha na serie b, figurando no G4 e jogando um futebol convincente a equipe tem tudo para chegar na elite do futebol brasileiro em 2017, hoje as 21:00 enfrenta o Vila Nova-Go para se manter entre os 4 e subir ainda mais na tabela, com a manutenção do técnico Mazola Jr e as contratações pontuais (Zé Carlos,Gerson Magrão) o galo vem com tudo em busca da serie a do brasileirão.

Por fim o Azulão que começa a ressurgir depois de um longo período de crise financeira e institucional , desde novembro mais precisamente dia (28) quando no Mutange era apresentado o elenco, Rafael Tenório assumia um posto que até então estava jogado , seu presidente prometia que em 2016 tudo seria diferente. e foi, o azulão repatriou Oliveira Canindé, montou um belo time e fez frente ao Crb no estadual perdendo as finais por detalhes, e de quebra conseguindo vagas na copa do nordeste do Brasil em 2017 e na serie começa a competição  e todos esperançosos e apreensivos pelos anos anteriores, mais o azulão foi galgando degrau por degrau e no último dia 04 de agosto conseguia subir para serie c do brasileiro, agora o foco passa a ser o titulo e a batalha já começa domingo contra o São Bento – SP as 16:00hrs no estádio Rei Pele.


É alagoas vivendo uma fase espetacular em 2016 e sonhado com um 2017 ainda melhor. 

quinta-feira, 1 de setembro de 2016

Azulão,preparação a todo vapor!

O azulão segue em ritmo forte de treinos depois da Vitória conseguida em Itu,com Didira,Marcelo Nicácio e Everton Heleno voltando aos treinos,Oliveira Canindé começa a montar a equipe que vai pra partida decisiva no próximo domingo no estádio rei Pelé, com Rafinha em momento de transição segue a dúvida se o mesmo vai pro jogo,a equipe maruja pode perder por até 1x0 que levará a vaga a série c em 2017,será o jogo mais importante do CSA nos últimos 16 anos, "chega a arrepiar cara quando você fala desse momento " afirma o meia Didira sabendo que o objetivo está perto de ser alcançado,contanto o ituano vem mordido para tentar surpreender o azulão em seus domínios e todo cuidado é pouco nessa hora, para isso a semana será decisiva e de fundamental importância para esse jogão de acesso.
Ingressos
E os ingressos seguem em vendas em todo vapor e velocidade, já foram vendidos aproximadamente 9mil ingressos onde é esperado um público Record no estádio rei Pelé; R$20,00 para baixa, R$40,00 altas e R$200,00 para as cadeiras especiais nos tradicionais pontos de vendas:
Arena das torcidas shopping farol e Amélia Rosa, mutange , quiosque do CSA no Maceió shopping, poly sport centro e pátio Maceió e sede da mancha azul.